Semente Semanal #22 Hawaii e sua Cultura

Semente Semanal #22 Hawaii e sua Cultura

A grande maioria das pessoas que conhecemos, quando escutam a palavra “Hawaii” logo pensam no surf e nas ondas gigantes. E não tem como pensar diferente.

É mais do que normal existir essa conexão, já que é lá um dos berços do esporte no mundo e a casa de muitas feras do surf.

O mais irado, é que além do surf, as ilhas do Hawaii guardam muitas curiosidades que pouca gente no mundo sabe.

Hoje o Árvore Surf vai falar um pouco sobre a cultura desse lugar paradisíaco.

Semente Semanal #22 Hawaii e sua Cultura

O povo Havaiano tem uma filosofia de vida muito curiosa extraída de seus descendentes. Para os havaianos, não vale a pena pensar no passado e muito menos no futuro. Para eles, a vida acontece no presente, no agora. A língua havaiana fica longe de ser um idioma, é na verdade um raciocínio linguístico. Cada palavra é uma base para vários significados, como por exemplo, o termo bem conhecido “Mahalo”, que significa respeito, e também é um termo usado para dizer obrigado, dizer que tem admiração por alguém ou algo, e é até mesmo um simples elogio. Nenhuma das palavras havaianas tem ligação com passado ou futuro.

É realmente uma cultura bem diferente do que estamos acostumados a viver na grande maioria da sociedade.

Tarefas como plantar, colher, construir e surfar, por mais diferentes que sejam, para os havaianos, são todas tarefas de um plano espiritual chamado de “segundas intenções”. Com essas tarefas fazendo parte do dia a dia, o havaiano se sente completamente realizado, pois assim eles conseguem encher o seu corpo e alma com uma energia metafísica que eles chamam de “MANA”. Essa energia é quase ignorada pelo mundo Ocidental, mas é vista também através de outros nomes no lado Oriental do planeta, como na China e na Índia.

O modo dos havaianos viverem, priorizando o estado físico e mental do agora, caminha lado a lado com filosofias de vidas defendidas por líderes espirituais como Eckhart Tolle, Deepak Chopra e Dalai Lama.

Todo esse conceito faz parte de uma Psicofilosofia Huna, onde seus princípios básicos são não ferir, isto é, não causar nenhum tipo de mal a você mesmo, aos outros e à natureza.

Essa maneira de pensar realmente é admirável.

Qualquer ação que fazemos na vida depende de uma intenção, assim, a intenção acaba sendo a Mãe de todos os problemas e virtudes que acontecem.  É na intenção que está tudo o que praticamos na vida, é nela que devemos focar nossa atenção para não cairmos na omissão ou no excesso que nos levam ao desequilíbrio físico ou mental. A intenção é a base para que possamos crescer e evoluir na constante busca da felicidade. Essa é a filosofia Huna, filosofia que tem ensinamentos que nos ajudam na busca da felicidade de uma maneira mais suave e simples, deixando de ser o sofrimento, o paradigma para o crescimento e evolução.

Bem diferente do que estamos acostumados,  a cultura havaiana é um ótimo exemplo de como o mundo poderia funcionar baseado no amor e no respeito. Além das ondas desenhadas com perfeição, o paraíso do surf pode nos dar grandes ensinamentos sobre a vida.

Semente Semanal #22 Hawaii e sua Cultura

Árvore Surf

Fortalecendo o verdadeiro espírito da Cultura do Surf.

Facebook  / Instagram / Twitter

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s